Categoria: Piracicaba
14/07/2016

Casos de dengue caem 91% em bairro de Piracicaba que recebeu Aedes do Bem™

A Vigilância Epidemiológica (VE) de Piracicaba divulgou novos dados nesta semana indicando uma redução de 91% no número de casos de dengue registrados no CECAP/Eldorado, bairro de 5.000 habitantes no leste de Piracicaba, no ano-dengue 2015/2016 em comparação com 2014/2015. O número de casos caiu para apenas 12 durante o ano em que ali foi liberado o Aedes do Bem™, mosquito geneticamente modificado que combate o Aedes aegypti selvagem, contra 133 casos registrados no período anterior. Segundo a VE, no restante do município, a redução foi de 52% para o mesmo período, com 3.487 casos de dengue em 2014/2015 tendo caído para 1.676 em 2015/2016.

No ano-dengue 2014/2015, a taxa de incidência da doença no CECAP/Eldorado foi 195% maior do aquela registrada no restante do município. No ano-dengue 2015/2016, a taxa de incidência de dengue no CECAP/Eldorado foi 45% menor do que no restante do município. O balanço mostra ainda a inexistência de casos confirmados de Zika e chikungunya no CECAP/Eldorado.

“De um ano para o outro, nós conseguimos reduzir a incidência de dengue em mais de 50% em Piracicaba, resultado de um trabalho contínuo para eliminar os focos de água parada, que são o criadouro do mosquito. No CECAP/Eldorado, onde tivemos o projeto Aedes do Bem™, a redução foi extraordinária, acima de 90%”, afirma o secretário municipal de saúde, Pedro Mello.

“Estamos empolgados com os resultados atingidos até agora pelo Aedes do Bem™. Apesar de ser uma área limitada, esse resultado mostra o potencial de nossa abordagem”, afirma Glen Slade, diretor da Oxitec do Brasil, empresa que produz o Aedes do Bem™.

 

Mais informações sobre o Aedes do Bem™, você encontra no portal Aedes do Bem™.

Você também pode assistir ao vídeo institucional sobre como é produzido o Aedes do Bem™ aqui.